Skip to main content

Dicas “matadoras” para aperfeiçoar seu relatório de vendas.

O relatório de vendas é, inegavelmente, um dos itens mais importantes nas atividades de um setor comercial. É por meio dele que os gestores conseguem acompanhar o desempenho dos vendedores, medir o resultado das suas ações e captar informações valiosas para a criação de uma estratégia de vendas de sucesso.

No artigo de hoje, saiba mais sobre a importância desse documento para a estratégia corporativa e confira dicas de como criar um relatório de vendas matador.

O papel do relatório de vendas para as organizações

Mais do que um veículo de comunicação entre vendedores e os gestores, o relatório de vendas representa um canal de comunicação entre o mercado e as empresas, e suas contribuições ultrapassam os limites do setor comercial.

Um relatório de vendas bem feito vai trazer informações acerca dos clientes, de como os produtos ou serviços oferecidos pela empresa estão satisfazendo as suas necessidades, como a empresa está posicionada frente à concorrência em relação à qualidade, política de preços, etc.

Se, atualmente, as estratégias empresariais de sucesso são aquelas que levam em consideração os desafios e expectativas do cliente, é e com o relatório de vendas que as empresas tomam conhecimento dessas informações.

  • Os clientes entendem que o preço do produto está acima da média e por isso estão deixando de comprar?
  • Quais as últimas novidades lançadas pela concorrência?
  • O que os clientes consideram o ponto fraco do produto ou serviço que a sua empresa oferece?

A resposta para essas perguntas pode influenciar a área produtiva da empresa, o setor de criação, de qualidade, o financeiro, etc. Um bom relatório de vendas é um espelho que reflete a real situação da empresa no mercado, e essas informações são fundamentais para criação de uma estratégia corporativa de sucesso.

Como montar um relatório de vendas matador?

Registre informações relevantes

Um dos maiores erros cometidos pelas empresas quando o assunto é o relatório de vendas é exigir uma série de informações desnecessárias. Se o vendedor vai investir tempo para colher e registrar uma informação, ela precisa ser realmente importante para a empresa.

Padronização

É importante que as empresas padronizem os relatórios de vendas da sua equipe comercial. Se cada vendedor entregar o relatório de um jeito, como a empresa vai reunir essas informações e criar métricas a partir delas?

Os gestores devem analisar quais dados são relevantes para a empresa e criar um formato de relatório de vendas padrão. A partir daí, será possível organizar a informação e utiliza-la para compor uma estratégia assertiva.

Crie um relatório claro e assertivo

Os relatórios devem conter informações claras e assertivas. Se os dados coletados não forem específicos, como a empresa vai processar a informação?

É importante que as variáveis contidas nos relatórios possam ser conclusivas e resultar em ações para melhorar os resultados do setor.

Inclua as metas

Os resultados alcançados devem ser comparados às metas estabelecidas pela empresa. Se e meta do vendedor era vender R$500 mil, e ele vendeu R$280 mil, é a função do gestor investigar o porquê o desempenho ficou aquém do esperado e sugerir mudanças visando melhorar a performance deste profissional.

Prazos

Embora analisar o passado seja importante para evitar que os mesmos erros sejam cometidos no futuro, um relatório de vendas relevante precisa ser um espelho da situação atual. Quanto mais rápida for o preparo de um relatório, mais ágeis e eficientes serão as ações corretivas.

É essencial que os gestores sejam exigentes em relação ao prazo de entrega do relatório de vendas e que busquem eliminar os problemas encontrados da forma mais rápida possível

Inclua informações sobre os clientes

Além dos números alcançados, um relatório de vendas relevante deve trazer informações acerca do cliente para a empresa. Qual o perfil do cliente? Quais os problemas que ele enfrenta? Quais as expectativas em relação ao produto? O que ele considera os pontos fortes e fracos do produto ou serviço que você oferece?

Utilize a ferramenta correta

Ao longo dos anos, diversas ferramentas foram sendo utilizadas para a confecção dos relatórios de vendas: desde o uso da máquina de escrever, passando pelos robustos PCs, até chegar aos poderosos hardwares dos Smartphones munidos de aplicativos e softwares com sofisticada inteligência artificial que existem atualmente.

A ideia por trás do desenvolvimento tecnológico é sempre tornar os processos mais fáceis, rápidos e melhor estruturados. Considerando especificamente o caso do relatório de vendas, o objetivo é melhorar a comunicação entre vendedores e gestores, encurtar o tempo dos processos, auxiliar no cumprimento das metas e na definição de uma estratégia comercial de sucesso.

A rotina dos membros de uma equipe de vendas é bastante dinâmica, para não dizer cansativa. Deslocamentos, visitas, apresentações, negociação de propostas, prospecção e pós-vendas são só algumas das atividades que compõe a rotina de vendedores.

No meio de todas essas tarefas, é preciso, ainda, encontrar tempo e energia para a confecção do relatório de vendas – e sem a ferramenta adequada, o tempo gasto nesta atividade é bastante expressivo.

Existem softwares de vendas que permitem captar e organizar as informações geradas no processo de vendas de uma maneira fácil e dinâmica, como a Fieldlink, tornando a comunicação entre vendedores e gestores uma tarefa muito mais simples e menos cansativa.

Utilizando esse tipo de ferramenta, o vendedor ganha um tempo que pode ser usado para visitar mais clientes, planejar ações e prospectar, e o gestor pode acompanhar os resultados do processo de vendas em tempo real, utilizando essas informações na criação de uma estratégia de sucesso, Automatize seu relatório de vendas com o FieldLink e bons negócios.

Fabrizio

COO em FieldLink.me